CulturaSlider

Maria João traz a Orquestra de Jazz de Matosinhos

[themoneytizer id=”16574-1″]

 

A segunda edição do Ovar em Jazz caminha para o seu final. No penúltimo de “quatro dias intensos de jazz”, esta tarde, actua o pianista italiano Stefano Battaglia, com a organização a antecipar “uma performance em que a leveza e a originalidade na abordagem às teclas promete liberdade para o improviso”.

Com formação erudita, Stefano Battaglia é apontado por Alexandre Rosas como “um dos mais importantes músicos da editora ECM Records” e, além do referido concerto de entrada livre, também dinamizará em Ovar, no domingo, um ‘workshop’ gratuito para músicos maiores de 16 anos – o que implica inscrição prévia junto do Centro de Arte por ter lotação limitada a 12 pessoas.

Também este sábado, mas à noite, o “Ovar em Jazz” recebe ainda Maria João e a Orquestra de Jazz de Matosinhos. O concerto irá revisitar o álbum “Amoras e Framboesas”, que, desde a sua edição conjunta em 2011, já levou a “diversos festivais de jazz nacionais e internacionais” uma combinação própria de canções do cancioneiro popular brasileiro, standards de jazz norte-americano e criações da dupla Maria João e Mário Laginha.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo