Mundial Catar 2022

Marta, a versão feminina de CR7

Com o golo marcado na vitória de Portugal por 3 a 2 sobre o Gana, Cristiano Ronaldo tornou-se no primeiro jogador a marcar em cinco Mundiais diferentes.

O recorde, porém, não é novidade no futebol feminino, e pertence a uma brasileira habituada a números exorbitantes:

Eleita melhor do Mundo em seis oportunidades, a camisola 10 foi pioneira ao balançar a rede nos Mundiais de 2003, nos Estados Unidos; 2007, na China; 2011, na Alemanha; 2015, no Canadá; e 2019, na França (veja mais).

“Fico muito feliz por ele bater também esse recorde. É um cara que eu admiro muito. Todos sabem o quanto gosto do trabalho dele, do futebol dele e dele como pessoa. Fico super feliz. Também mostra o equilíbrio que a gente vem tendo em relação à inclusão, do futebol masculino e feminino. São eles quebrando recordes lá e a gente também aqui. Quando a gente quebra aqui, depois de um tempo [eles] vão e fazem a mesma coisa. Então, acho que isso é bacana, valoriza cada vez mais o esporte”, disse a jogadora ao UOL.

E é bom que Cristiano Ronaldo planeie já 2026 se não quiser ficar para trás. Isto porque no ano que vem tem Mundial feminino cuja organizaçã terá sede dividida entre Austrália e Nova Zelândia, e Marta não esconde o desejo de integrar a delegação brasileira que vai disputar a competição.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo