LocalPrimeira Vista

Ministério da Saúde trava entregas às Misericórdias

O secretário de Estado da Saúde, Fernando Araújo, e o presidente da União das Misericórdias, Manuel Lemos reuniram para discutir a anulação dos acordos de transferência dos hospitais de Santo Tirso e São João da Madeira para as Santas Casas locais.

O ministério afirma que os estudos que serviram de base à decisão do anterior governo apenas mostram que a redução de despesa do SNS seria feita à custa da diminuição de cuidados. Paulo Macedo chegou a falar na transferência de mais de 20 unidades, mas a lista, onde se incluía o Hospital de Ovar, ficou em 11.

“Os dados apresentados não são suficientes para demonstrar que o objetivo proposto, de redução de pelo menos 25% dos encargos para o SNS, fosse atingido. Os estudos apenas evidenciam que a diminuição direta dos encargos para o SNS, mantendo as condições de financiamento constantes, seria efetuada pela redução/alteração na oferta de cuidados”, disse ao DN o Ministério da Saúde, que fala de redução de consultas, da atividade do hospital de dia e impactos na cedência de medicamentos em ambulatório. (Ler artigo)

Deixe um comentário

https://casino-portugal-pt.com/
Veja Também
Fechar
Botão Voltar ao Topo