LocalPrimeira Vista

“Mütze on Tour” sensibiliza para as doenças mentais

Vindos de Espinho e a caminho de São Jacinto, Karsten “Mütze” Rinck e a sua cadela Lotte pernoitaram hoje no quartel dos Bombeiros Voluntários de Ovar.

Ele é um bombeiro alemão do “Feuerwehr Grünendeich”, natural de Steinkirchen, perto de Stade, no norte da Alemanha, que está a percorrer a Europa desde 1 de Maio de 2021, a pé, como forma de alertar e sensibilizar para as doenças do foro mental.

Já passou pela Holanda, Luxembrugo, Inglaterra, França e Espanha e agora está em Portugal.

Mas o que o levou a lançar-se nesta longa e difícil aventura? Karsten conta que tinha tudo: “Família, dinheiro e um negócio bem sucedido no ramo automóvel”.

Mas era isso que ele queria? “Apenas trabalhava todos os dias, tudo corria conforme o planeado, sempre tudo bem”.

Deu consigo a questionar se era isso que ele realmente queria para a sua vida. No sentido de encontrar uma resposta, decidiu conhecer o Mundo. “O que é que uma pessoa faz nesta situação?”, questionou-se, tropeçando em dúvidas e perguntas.

Por acaso, encontrou Jean Beliveau, um canadiano que, após debater-se com as mesmas dúvidas, pôs pés a caminho e deu várias voltas ao mundo. Estimulado por esse exemplo, partiu sem planear muito.

Na bagagem levou apenas alguma roupa, um computador portátil e um carrinho amarelo brilhante, onde se abriga quando não encontra onde dormir.

Aproveitando as fronteiras abertas na Europa, Karsten Rinck e a cadela Lotte prevêem estar na estrada até outubro de 2026. Qual corredor de fundo, ao longo dos estimados 25 mil km, o jovem alemão espera conseguir “escapar da vida quotidiana”.

Anteontem, ficou em Espinho, hoje em Ovar e espera retomar o seu caminho até São Jacinto.

O comandante João Mesquita, dos Bombeiros de Ovar, confirma a estadia do bombeiro alemão. “É uma prática comum nossa dar abrigo a peregrinos que passam e nos pedem ajuda”. Boa Viagem!

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo