Política

Nasce o Núcleo Concelhio das Mulheres Social Democratas de Ovar

A Comissão Politica do PSD aprovou, no passado dia 27 de outubro, uma proposta apresentada por 20 militantes para a criação de um núcleo de Mulheres Social Democratas e encabeçada pelas militantes Ana Cunha, Vereadora da Câmara Municipal e Aida Vasconcelos, militante 40 anos.

Agora, no dia 04 de dezembro, o plenário de militantes aprovou, por unanimidade, a criação do núcleo cujas eleições se preevem para finais de janeiro de 2015.

A proposta refere que a “mulher tem sido historicamente sub-representada em múltiplos palcos da sociedade”.

Não obstante a Lei da Paridade ter vindo introduzir um mecanismo de maior participação das mulheres na decisão política, a verdade é que há ainda um longo caminho a percorrer para que a igualdade de género encontre plena correspondência na acção e na prática política e partidária.

Tendo por base os dados referentes ao ano de 2013 das Estimativas Anuais da População Residente do Instituto Nacional de Estatística, em Ovar, a população feminina representa 52,2 por cento da população residente no Município.

Os dados referentes à militância do PSD no Concelho de Ovar apontam para uma militância feminina inferior a 25 por cento do universo de militantes inscritos na Secção de Ovar do Partido Social Democrata.

Porque as mulheres, com a sua própria mundividência, podem trazer novos contributos para a política, desde novos saberes, valores, sensibilidades e estilos de atuação, que ajudarão a refrescar a organização, o discurso, a prática política e a própria Democracia.

E “porque entendemos que é necessário atrair mais mulheres para a militância do PSD e promover a sua formação política e autárquica, propõe-se a criação de um Núcleo Concelhio das Mulheres Social Democratas de Ovar”.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta