LocalPrimeira Vista

Nova sinalização apanha automobilistas desprevenidos

Muitos automobilistas foram apanhados de surpresa com as alterações ao trânsito no centro de cidade, implementadas pela Câmara Municipal de Ovar.

Uma das mudanças a causar mais confusão terá sido a inversão de sentido na rua da Oliveirinha/rua Padre Férrer.

O vereador Domingos Silva diz que “esta era uma alteração há muito pedida por imensa gente que mora naquela zona da cidade”. No entanto, os automobilistas e até moradores queixam-se de ter sido “apanhados de surpresa” e tratando-se de um acesso privilegiado ao centro da cidade para quem leva crianças à zona escolar, por exemplo, garantem que “causa transtorno”, pois ter de ir à “rotunda da BP ou à dos Bombeiros é bastante mais longe”.
Embora reconheça que as alterações são sempre difíceis por pequenas que sejam, o vereador Domingos Silva diz que a alteração avançou após estudo e haver a convicção de que “era para melhor e seriam muitos mais os beneficiados do que os outros”.

As alterações, reforça o autarca, “têm por objectivo melhorar a gestão do tráfego automóvel para fazer face ao aumento do parque e circulação automóvel que se tem vindo a sentir no centro da cidade”.

De qualquer maneira, refere que as mudanças foram anunciadas através de editais publicados em setembro, havendo mais ruas com alterações, nomeadamente:

Rua Marquês de Pombal (entre a Rua Dr. Manuel Arala e a Travessa Marques de Pombal) – conversão em sentido único de circulação (Norte/Sul)
• Rua Frei Bernardino Espírito Santo – conversão numa via de circulação condicionada
• Rua Alexandre Sá Pinto – Inversão do sentido de circulação
• Rua Castilho (entre a Travessa Castilho e a Rua Silva Porto) – conversão em via de sentido único
• Ruas da Oliveirinha e Padre Férrer (entre a Rua dr. José Falcão e a Rua da Associação Desportiva Ovarense) – inversão do sentido de trânsito
• Viela do Outeiro – conversão em via de sentido único (Sudeste/Noroeste)
• Rua Marechal Zagalo – conversão em via de sentido único (Nascente/Poente)

Ciente de que, numa fase inicial pode criar alguma confusão e constrangimentos aos automobilistas, a autarquia apela à compreensão e colaboração de todos, estando segura que esta medida permitirá uma maior fluidez de trânsito num futuro próximo.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo