Saúde

O Hospital de Ovar continua a ser uma preocupação da população do concelho vareiro

As decisões em Saúde para os munícipes de Ovar estão estagnadas, aguardando-se para daqui a uns meses nova apreciação do processo de inclusão do nosso Hospital na denominada ULS de Entre Douro e Vouga.
Não obstante a falta de resposta aos nossos apelos por parte do Senhor Ministro da Saúde, continuaremos a dar o nosso contributo no sentido de maximizar os resultados e os efeitos em Saúde para os concidadãos do concelho de Ovar.

Enquanto as decisões não são definitivamente tomadas, todos nós que necessitarmos de uma avaliação mais ou menos urgente de qualquer caso de doença, estamos condenados a ir ao Serviço de Urgência do Hospital de S. Sebastião e aí conviver e sofrer com tempos de espera prolongados e correndo riscos de agravamento da nossa doença por estarmos numa sala de espera superlotada e com doentes que podem transmitir as infecções de que são portadores.

Importa, pois e também com urgência, exigir aos nossos governantes e responsáveis pela área da Saúde que dotem o nosso Concelho e consequentemente o Hospital de Ovar, com um serviço de Urgência em tudo igual ao que funciona no Hospital de S. João da Madeira, para que os nossos munícipes possam ser convenientemente avaliados e tratados na nossa terra e dela saírem, se de todo necessário, devidamente tríados.
Mantemos a nossa incompreensão perante o facto de um Concelho (S. João da Madeira) com cerca de 23 000 habitantes e relativamente próximo do Hospital de referência (Santa Maria da Feira) estar dotado de um serviço de urgência e um outro concelho (Ovar) do mesmo distrito com o dobro da população e distante desse Hospital de referência o dobro dos quilómetros daquele não ter um serviço igual e não merecer o mesmo tratamento.

Bater-nos-emos sempre pela não discriminação, pela igualdade de tratamento e pela equidade no acesso à Saúde. Exigimos que os concidadãos de Ovar e os muitos milhares de pessoas que nos visitam na época do carnaval e durante o verão, tenham ao seu dispôr os mesmos equipamentos de saúde que os outros legitimamente dispõem. Entendemos ser hora para se esbaterem injustiças sociais e desigualdades de acesso aos cuidados de Saúde e tudo isto passa como temos vindo incessantemente a (re) clamar pela reabertura de um Serviço de Urgência Básica, funcionando 24 horas por dia, o que permitirá que os casos mais complicados sejam (re) direccionados para o Centro Hospitalar de Entre Douro E Vouga (Feira), já com a triagem feita e também pela indispensável requalificação do Bloco Operatório.

Só assim entendemos a inclusão do Hospital Dr. Francisco Zagalo na ULS de Entre Douro e Vouga.

Movimento Cívico para a Melhoria dos Serviços de Saúde do Concelho de Ovar
e Liga dos Amigos do Hospital Dr. Francisco Zagalo de Ovar
23 de Fevereiro de 2017

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo