CulturaSlider

“O meu país é o que o mar não quer”

Esta sexta-feira, pelas 22 horas, o Centro de Arte de Ovar apresenta, na caixa de palco, o espectáculo de teatro “O meu país é o que o mar não quer”, de Ricardo Correia.

Este espectáculo de teatro documental nasceu da estadia de Ricardo Correia em Londres, em 2013, enquanto bolseiro da Fundação Calouste Gulbenkian e é construído a partir do seu relato pessoal, incidindo nos testemunhos de emigrantes portugueses qualificados recolhidos através de entrevistas, cartas, fotos e e-mails.

Estes testemunhos são de pessoas que conheceu em Londres e que tiveram de sair de Portugal devido às medidas de austeridade da Troika e do Governo português, ou que deixaram o país por vontade própria mas que agora não conseguem regressar por falta de perspetivas de futuro no país de origem.

É a sua estória, a história de uma geração dividida entre partir e ficar.

Os bilhetes para este espetáculo têm um custo de 5 euros e podem ser adquiridos em http://caovar.bilheteiraonline.pt/ ou no Centro de Arte de Ovar.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo