Opinião

“Opções” – Andreia Norton

Tenho vindo a ser questionada sobre certas situações que me levam a ter que explicar ou justificar o porquê das coisas a certas pessoas e a certas mentes “iluminadas”…
De há umas semanas para cá, tenho vindo a ter menos tempo de jogo ou até nenhum no clube que represento e já vou ouvindo isto e aquilo, então para que não haja qualquer tipo de especulação, a razão passa única e exclusivamente por uma questão de opção!… As quais posso ou não concordar mas tenho que respeitar!…

Sou a mesma Norton de sempre e que há uns meses atrás era a “heroína nacional” , não que eu procurasse esse titulo ou essa “fama” espontânea já que ela foi praticamente imposta pelos media após o golo que fiz na Roménia e que ajudou a “carimbar” o passaporte para o Euro… Se esse golo foi importante para mim?!?… Foi!… Mas foi muito mais importante para um País, uma instituição, para quem tem lutado tanto pela afirmação do futebol feminino em Portugal!… Para mim valeu o momento e até dispensava todo o “exagero” que veio com ele! Pois não procuro a fama ou os títulos individuais pois valem o que valem, a “fama” é uma vida falsa pois o futebol é muito hipócrita e depois dececiona nos! A fama apenas traz inveja, hipocrisia e falsas amizades! No entanto é bom sermos reconhecidas pelo nosso trabalho, trabalho… isso sim é que me interessa, trabalhar diariamente para ser melhor, ganhar títulos coletivos, ajudar a minha equipa a atingir objetivos, o resto é como já referi, é o momento portanto e para que saibam, não dormi à sombra desse golo ou desse momento! Sei de onde venho e para onde quero ir portanto não deixei de trabalhar com afinco diariamente, de ser profissional e isso ninguém pode dizer o contrário… Dentro em breve só falta dizerem que com a nomeação para as “Quinas de Ouro “ da FPF, pedi a reforma! ??

Não comecei a jogar futebol de 11 há 2 dias ou há 2 meses e sei o que custa a uma mulher poder jogar futebol, cheguei até aqui à minha custa, sem “ajudas” ou “amigos” e muito menos “cunhas”… felizmente tenho tido a felicidade ao longo da minha carreira e pelos clubes que representei nunca me terem faltado condições logísticas e humanas para poder treinar, jogar e evoluir, se “dormisse” à sombra fosse do que fosse estaria a faltar ao respeito a todas as minhas colegas, treinadores e dirigentes que militam em clubes de menor dimensão e sei bem o que passam para poderem fazer o que mais gostam daí eu ser uma privilegiada pois jogo futebol profissionalmente mas toda a gente sabe que o mundo do futebol é um mundo de competição extrema e por vezes apenas o talento, esforço e dedicação não são suficientes para vingar pois a cada degrau que subimos, temos 5 ou 6 a dar-nos pontapés para voltarmos para o degrau inferior, parece que é algo que faz parte deste futebol moderno onde certos valores e princípios são desvalorizados e até esquecidos e só aparecem de quando em vez naqueles bonitos discursos que ouvimos de certos “Magos” do futebol!…

Outra questão que me colocam é a irregularidade com que sou chamada a Seleção Nacional e ironicamente hoje saiu a convocatória do “Mundialito” na qual o meu nome não figura, muitos se espantaram por isso e uma vez mais voltamos as opções… são opções que quem de direito toma! Eu espanto-me mais com outras situações, agora quanto a minha não convocatória… nada de novo se tivermos em conta o facto que desde que deixei a Seleção Sub 19 apenas fui convocada em 4 oportunidades! Portanto não é surpresa nenhuma para mim, ficar fora desta nova convocatória! Temos que aproveitar as oportunidades e o tais momentos, no meu último jogo por Portugal frente à Irlanda fui “classificada” como a jogadora com mais lucidez do ataque Luso… ( E atenção que não paguei ou manipulei ninguém para me classificarem desta forma! Não tenho o vencimento do CR7! ????) Desta vez não estou na convocatória!? São opções, nada mais!… E não vale a pena criar um caso ou manipular isto ou aquilo! São escolhas que quem anda no futebol sabe que acontecem e devem ser respeitadas, nada mais!…

Ao longo da minha curta vida, soube sempre aproveitar as oportunidades que me dão, honrar os meus compromissos e respeitar as instituições como tal penso que estas também me respeitaram e respeitam e neste preciso momento penso que nem o Staff da FPF nem o staff do SC Braga perderam a confiança em mim e nas minhas capacidades, no caso do SC Braga até seria um contra senso visto eu ter prolongado o meu vínculo com o clube em Novembro passado para a época 2017/18. Sendo assim vou continuar a ser a Norton que nunca deixei de ser e continuar a trabalhar forte, com empenho e dedicação que nunca deixei de ter para voltar a ser “Opção”… Quanto à “Sombra… Deixo isso para o próximo verão assim que estiver no meu Furadouro à beira mar debaixo do guarda sol!… ? E aí a “opção” é minha… ao sol ou à sombra!
Fiquem bem e um bem haja a todos

in Andreia Norton Fans Page

Artigos relacionados

Deixe uma resposta