Carnaval

“Pacote 2 em 1” ganha nas piadas

stand80storecarnaval

cinza

Foi um cortejo pleno de sátira, em que o acto eleitoral para escolher o próximo Presidente da República esteve em destaque.

“Eleições e Carnaval/Que grande domingo da treta/não sei se meto na urna/se voto na greta”, era a mensagem do grupo carnavalesco Pinguins, que viria a sair vitoriosa no concurso de piadas colectivas (1.º). Nem o candidato Atina Tino falhou. Na mesma onda, os Vampiros lançaram um olhar sobre a campanha eleitoral: “Os debates foram esclarecedores/eu é que não percebi nada/desta campanha de horrores/onde todos querem tacho e favores”.

Já os Xaxas (3.º), sob a temática das subvenções, lembravam que “Ser político em Portugal/é ter uma grande carreira/a esses encheram os bolsos/aos outros vão-lhe à carteira”. “Só com ingrediente natural/ toda a enfermidade cura/existe um tão fenomenal/que até me deixa a coisa dura!”, eram os ingredientes do comprimido milagroso dos Hippies, que arrancou o segundo lugar. O samba e o exemplo da Rainha na luta contra o envelhecimento da população saíram à rua com os Zuzucas: “Neste Carnaval agradecemos/à nossa doce Majestade,/pois ela vai contribuir/para o aumento da natalidade”.

A criminalização do piropo inspirou os Marroquinos (5.º): “Minha querida não faças queixa/não chames o advogado/sobe aqui ao andaime/qu’eu já estou com ele montado!”

Os Garimpeiros brincaram com as alegadas peripécias da tenda para a abertura do Carnaval (6.º lugar): “Ano Novo, Tenda Nova/ Esta é p’rá abertura/ Houve pânico, medo e gritos/ Mas acabou bem a aventura”.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo