Política

PCP: Apelo à luta nos 35 anos do Serviço Nacional de Saúde

Por ocasião dos 35 anos do Serviço Nacional de Saúde (SNS), o PCP iniciou a campanha “Defender o SNS, garantir o acesso aos cuidados de saúde”.

Em Ovar, a campanha teve expressão numa acção de contactos à porta do Centro de Saúde e do Hospital de Ovar. Na acção, que contou com a presença de Miguel Jeri, médico e eleito local do PCP, foram contactados dezenas de utentes e profissionais de saúde que manifestaram a sua preocupação com o rumo dos cuidados públicos de saúde em Portugal.

O documento distribuído assinala o SNS como uma “conquista de Abril, e a sua defesa como um imperativo nacional”, assinalando que “fruto do SNS, dos seus profissionais e da sua identificação com os interesses do povo, se registou uma extraordinária melhoria das condições de saúde da população: diminuição marcada da mortalidade infantil, diminuição da mortalidade associada a doenças infecto-contagiosas, melhoria da esperança média de vida, entre muitos outros indicadores”.

o PCP alerta para a Portaria 82/2014 de 10 de Abril, que categoriza os vários estabelecimentos do SNS, visa a desclassificação de hospitais e o encerramento/concentração de valências. “Este documento é um dos maiores ataques à prestação de cuidados públicos de saúde e, no caso particular de Ovar, cria sérias dúvidas relativamente ao futuro do nosso hospital uma vez que este, face às suas dimensões, dificilmente terá lugar no novo enquadramento legal”.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta