CiclismoDesporto

Pedro Gil passa em Ovar para incentivar ao uso da bicicleta

Pedro Gil tem 44 anos, é natural de Leiria e prepara-se para embarcar num projecto que tem como objectivo recrurar muita gente a pedalar, de Norte a Sul do País.

Apaixonado por viagens, mas impossibilitado de deixar Portugal durante a pandemia, Pedro Gil fez desta condicionante uma oportunidade para conhecer melhor o território nacional e acabou em 2021 por percorrer toda a fronteira com Espanha de bicicleta.

Durante 19 dias, desde Moledo do Minho a Vila Real de Santo António, visitou muitos locais que desconhecia e fez amizades com muitas pessoas que, no período de pandemia, abriram as
suas portas para o acolher com amizade e companheirismo. “A pedalar pela fronteira”, deu a conhecer locais mais próximos da fronteira com Espanha, no interior do país, “que, para muitos, ainda é desconhecido”, refere Pedro Gil.

Este ano, a ideia é mais ambiciosa, iniciando em Moledo (Minho) e terminando em Vila Real de Santo António (Algarve), vai levar a cabo o projecto “A Costa Portuguesa”, propono-se pedalar, entre 30 de julho e 23 de agosto, pela Costa Portuguesa com o intuito de “apelar e incentivar mais ao uso da bicicleta como elemento de transporte e os benefícios que advêm à sua utilização, seja na saúde física e mental, na busca por uma vida saudável, na ajuda a resolver a problemática questão ambiental, o custo-benefício, poupando nos combustíveis e, por fim, a sensação de liberdade, que tanto usufruí no meu projecto a pedalar pela fronteira, e que irei ter na Costa Portuguesa”.

Outro dos objetivos é tentar envolver as entidades ligadas ao Ciclismo e BTT para “incentivar as pessoas de todas as idades a me acompanhar em pequenos trechos quando eu passar pelas localidades”, sublinha Pedro Gil.

Nos dias e 2 de agosto, Pedro Gil vai estar em Ovar e apela a que o acompanhem nesta jornada. Para além dos intuitos referidos antes, poderá existir uma interação com entidades locais, ou grupos, para iniciativas de Plogging, para a sensibilização das pessoas na época balnear, com o lixo que deixam nas praias. “Pelo menos da minha parte, isso vai acontecer”, destacaa.

De 30 de julho a 23 de agosto, eis a sua rota:

Dia De: Para:
30 Moledo do Minho Esposende
30 almoço Viana do Castelo
31 Esposende Porto
31 almoço Póvoa de Varzim
1 Porto Ovar – Furadouro
Almoço Espinho
2 Ovar Praia de Mira
3 Praia de Mira Figueira da Foz
4 Figueira da Foz Pedrógão
5 Pedrógão Nazaré
6 Nazaré Peniche
7 Peniche Ericeira
8 Ericeira Cascais/Oeiras
9 Cascais Costa de Caparica
Lisboa – Campo de Ourique Almoço
10 Costa de Caparica Sesimbra
11 Sesimbra Setúbal
12 Setúbal Melides
13 Melides Sines
14 Sines Vila Nova Milfontes
15 Vila Nova de Milfontes Praia da Zambujeira do Mar
16 Praia da Zambujeira do Mar Vila Aljezur
17 Vila Aljezur Sagres
18 Sagres Lagos
19 Lagos Portimão
20 Portimão Albufeira
21 Albufeira Faro
22 Faro Tavira
23 Tavira Vila Real Santo Antonio

Saiba mais em:

https://www.facebook.com/A-Pedalar-Pela-Fronteira-100981012160130/

https://www.instagram.com/apedalarpelafronteira/

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo