Cultura

Peregrinos superam dor rumo a Fátima

Nos últimos dias chegaram a Fátima milhares de peregrinos para as cerimónias do 13 de Maio, dia que marca a primeira aparição de Nossa Senhora aos pastorinhos, em 1917. Nestes dias, o Santuário de Fátima espera milhares de peregrinos.

Descalço, Orlando Santos, de 68 anos, evidenciava-se esta terça-feira de manhã entre os peregrinos que se encontravam na Capelinha das Aparições, no Santuário de Fátima, onde ao final do dia começa a peregrinação internacional aniversária.

“Subi toda a Santa Catarina da Serra em meias, desci para Fátima descalço”, afirmou o peregrino de Ovar que, desde 2010, quando se reformou, ruma ao santuário a pé, numa viagem que diz ser “maravilhosa”. Do cansaço, nem uma palavra, como se os 180 quilómetros que traz nas pernas não lhe tivessem provocado uma mazela sequer.

“Não custa. Não sei de onde vem a força”, desabafou o peregrino, que na sexta-feira arrancou de Ovar em direção a Fátima “por ter uma fé muito grande”. À chegada ao santuário, no distrito de Santarém, nos rostos queimados pelo sol do grupo de 18 peregrinos onde se incluía Orlando Santos, caíam lágrimas de felicidade, por todos terem concluído a caminhada. Orações, deposição de velas e cumprimento de promessas em joelhos são tarefas que se seguem para muitos dos fiéis que já se encontram no santuário.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo