Política

Petição para debater futuro do Hospital já reuniu mais de 3.200 assinaturas

A petição em defesa de um Hospital de Ovar de qualidade, de proximidade e com autonomia já reuniu mais de 3.200 assinaturas.  A petição tem sido “extremamente bem acolhida pela população, obtendo um êxito surpreendente”, alcançando aquele número em poucas semanas.

Nas últimas semanas, “dezenas de voluntários que se juntaram à causa de defesa do nosso Hospital – desdobraram-se em contactos junto da população, levando o abaixo-assinado a todas as freguesias do Município”, refere a CDU, em comunicado.

Os promotores da petição criaram ainda uma página na Internet que reúne toda a informação relevante, e ainda flyers a cartazes, e que pode ser acedida através do endereço http://ovar.pcp.pt/local/actividade/1132-peticao-por-um-hospital-de-ovar-de-qualidade-de-proximidade-e-com-autonomia

Nesta página os voluntários podem ainda descarregar a petição em formato PDF para, de forma autónoma, recolher assinaturas, devendo apenas articular-se com a organização. Está ainda disponível uma lista de locais de acesso público (cafés e outros estabelecimentos) no município onde a petição pode ser assinada.

São necessárias 4000 assinaturas para que esta matéria seja debatida na Assembleia da República. Recorde-se que as quatro grandes reivindicações dos peticionários são a inclusão, no Orçamento Geral do Estado para 2018, da verba necessária às obras no Bloco Operatório do Hospital Dr. Francisco Zagalo, em Ovar; A manutenção da autonomia do Hospital Dr. Francisco Zagalo, não o integrando numa eventual ULS de Entre Douro e Vouga (ULS-EDV), e garantindo sempre o seu funcionamento em rede com as outras unidades do Serviço Nacional de Saúde; A reabertura do Serviço de Urgência no Hospital de Ovar; A integração dos profissionais com vínculo precário, muitos com décadas de serviço, nos quadros do Hospital.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta