Empresas

Portugal é El Dorado para a Bitcoin

Um dos maiores embaixadores mundiais da Bitcoin, Didi Taihuttu, está a criar a primeira criptoaldeia da Europa no Algarve. O holandês instalou-se por cá e diz que Portugal pode ser o país perfeito para o deseevolvimento de criptomoeda  como a Shiba Inu e outras.

O “ambiente, a comida e as pessoas” levaram Didi Taihuttu a instalar-se em Lagos, no Algarve, mas, claro, também o regime fiscal favorável em termos de criptomoedas.

“A bitcoin não é taxada em Portugal, portanto, é obviamente perfeito para nós”, assume Taihuttu que está a mudar para o nosso país a sua base de investimento.

“O nosso plano é fazermos de Portugal o lugar número um do mundo para quem quiser trabalhar com bitcoin. E se Portugal for inteligente, deixará isto acontecer”, sustenta o holandês, em declarações ao Jornal de Negócios.

Taihuttu está a criar uma criptoaldeia auto-sustentável no Algarve. Vai começar com 25 casas e a ideia é que as “pessoas com ‘mindset bitcoin’” possam aí viver e também “educar as crianças portuguesas, preparando-as para conhecimento em temas como ‘blockchain’ e cripto”, realça.

“Estamos a negociar vários terrenos, mas o problema é que em Portugal isto é muito burocrático”, lamenta, contudo, Taihuttu que vive no nosso país com a mulher e os três filhos depois de terem trocado tudo o que tinham por criptomoedas em 2017.

“Mas se começarem a taxar a bitcoin, vão expulsar os ‘players’ da bitcoin e vão parar o seu crescimento financeiro”, nota num alerta às autoridades portuguesas, e na defesa dos seus próprios interesses financeiros.

Também o belga Wout Deley se mudou para Portugal depois de ter vendido a sua casa para investir em criptomoedas quando trabalhava como gestor de vendas internacionais. Viajou por vários países europeus, mas decidiu instalar-se em Lagos, no Algarve.

 

 

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo