CulturaPrimeira Vista

“Posso Olhar Por Ti” estreia em Ovar e por todo o País

Filmado na Madeira, é um filme de aventuras para juntar toda a família
“Posso olhar por ti” a primeira longa-metragem de Francisco Lobo Faria, produzida na Ilha da Madeira, vai estar em exibição nos cinemas de todo o país.Sete jovens atores, e os seus pais, empreendem uma aventura onde a solidariedade desperta o empreendedorismo, a amizade, onde se exploram os talentos, se quebram as barreiras da indiferença, onde também se falha, se desentendem, mas nunca desistem.

Premiado em Sydney no Titan International Film Festival com o prémio Best Youth Cast (Melhor Elenco Juvenil), POSSO OLHAR POR TI foi posteriormente um dos primeiros filmes portugueses a entrar no circuito comercial dos cinemas australianos, um feito que se assinala.

O filme é protagonizado pelos jovens adolescentes premiados Martim Lobo, Laura Silva, Francisca Madeira, Tiago Valente, Iago Fernandes, Matilde Gouveia e Eduarda Sousa.
No papel dos pais surgem atores bem conhecidos como Carolina Torres, Luís Simões, Bernardo Lobo Faria, Ângelo Rodrigues, Carla Galvão, Sylvie Dias e Mauro Hermínio, caras frequentes da televisão e do cinema nacional.

Já após o prémio na Austrália, o filme foi distinguido também em festivais de cinema na Índia, na Roménia e no Botão, estando prevista a sua exibição em diversos países.

“Posso olhar por ti” teve a sua estreia mundial no Festival AVANCA 2022 e tem estado a ser selecionado em vários festivais, nomeadamente na Suécia, Brasil, São Tomé e Príncipe e, surpreendentemente, na cidade em guerra de Odessa, na Ucrânia.

Com imagem de Carlos Melim, som de Daniel Guiomar, produção executiva de Vanessa Fernandes e montagem de Herman Delgado, o filme reúne uma extensa lista de técnicos, atores e figurantes originários da Madeira.

“Posso olhar por ti” estará em exibição a partir do dia 30 de março nos cinemas de norte a sul do país, também nos Açores e naturalmente na Madeira e no Cinema ViDA Ovar.

O filme contou com o apoio do Governo Regional da Madeira, Município de Porto Moniz e de diversas entidades públicas e privadas, também madeirenses.

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo