Local

Praias de Espinho e Gaia interditadas a banhos

As praias da Baía, Rua 37, Frente Azul, Paramos, Seca e Silvalde, no concelho de Espinho, estão desde ontem interditadas a banhos após a análise da qualidade da água, efectuada pela Agência Portuguesa do Ambiente (APA), ter revelado valores microbiológicos acima dos parâmetros de referência, encontrando-se a água imprópria para banhos.

Após ter recebido a informação por parte da Agência Portuguesa do Ambiente (APA) a desaconselhar a ida a banhos nas seis praias de Espinho, foram dadas instruções para que fosse hasteada a bandeira vermelha e colocados os avisos nos acessos às diversas praias, por parte da Câmara Municipal de Espinho, interditando a ida a banhos.

Em Gaia, esta sexta-feira também não se pode ir a banhos em Canide Norte, Madalena Sul, Valadares Norte e Valadares Sul.

As interdições vão manter-se até que os resultados das análises à qualidade da água indiquem que os valores voltam a estar dentro do normal.

Antes desta notícias terem sido reveladas, a Associação ambientalista Zero já tinha chamado a atenção para o número de praias afectadas por situações idênticas, e que já ultrapassava as duas dezenas, em plena época balnear.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo