Guerra da Ucrânia

Preços dos combustíveis podem descer 20 cêntimos por litro

Depois de várias subidas semanais consecutivas, os preços dos combustíveis vão descer na próxima semana, com os especialistas a prever que tanto o gasóleo como a gasolina fiquem cerca de 20 cêntimos mais baratos.

Se a semana terminasse por aqui, o preço da gasolina e do gasóleo iria descer cerca de 20 cêntimos por litro na segunda-feira. No entanto, a expectativa é que as cotações dos produtos continuem a descer até ao final da semana nos mercados internacionais – “sobretudo depois de a Ucrânia e a Rússia terem anunciado desenvolvimentos nas negociações”, rumo ao fim do conflito. A notícia fez mexer os preços do petróleo que inverteram a tendência, escorregando até aos 97 dólares em Londres, um valor próximo do registado antes da invasão russa na Ucrânia.

Desde o início do ano, os preços dos combustíveis ainda não pararam de subir, segundo dados da Direção Geral de Energia e Geologia (DGEG). Neste período, o preço do gasóleo valorizou 49 cêntimos por litro enquanto que o da gasolina ficou 37 cêntimos mais caro. Isto quer dizer que encher um depósito de 60 litros de gasolina custa mais 22 euros do que na primeira semana de janeiro. Já para atestar um depósito de gasóleo são precisos mais 29 euros do que há dez semanas.

Os dados da DGEG mostram que o preço médio do litro do gasóleo simples em Portugal custa atualmente 1,991 euros por litro, enquanto que o da gasolina simples 95 vale 2,037 euros. Nunca os portugueses pagaram tão caro por cada litro destes combustíveis.

O

mais recente boletim sobre combustíveis da Comissão Europeia indica que Portugal tem a sétima gasolina 95 mais cara dos 27 países da União Europeia, 10 cêntimos acima da média europeia e 22 cêntimos mais cara do que em Espanha. Já o gasóleo ocupa a 9ª posição do ranking europeu.

O mais recente boletim sobre combustíveis da Comissão Europeia indica que Portugal tem a nona gasolina 95 mais cara dos 27 países da União Europeia, 5 cêntimos acima da média europeia e 24 cêntimos mais cara do que em Espanha. Já o gasóleo ocupa a 10ª posição do ranking europeu.

Publicidade

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo