Publicidade
LocalVerão 2022

Presidente só assina delegação de competências na saúde com uma condição

O presidente da Câmara Municipal de Ovar garante que não assina a delegação de competência na área da saúde enquanto não lhe for assegurada a referenciação a Norte, na ULS do Entre Douro e Vouga.
Na última reunião da Assembleia Municipal, Salvador Malheiro revelou ter reunido com o ministro da Saúde, Manuel Mizarro, e depois com uma equipa do ministério, em Ovar.
Segundo o autarca, o Ministério da Saúde, está a pressionar que “assinemos a delegação de competências no âmbito da saúde”, mas tal só acontecerá, segundo o asseverou, “se cumprirem a nossa exigência de Ovar integrar a ULS do Entre Douro e Vouga, e que essa referenciação para Norte “fique publicada em decreto-lei, sem qualquer tipo de penalização”.
Ainda no âmbito da saúde, questionado sobre o encerramento da Extensão de Saúde de Arada, o Edil voltou a lamentar que o Município tenha ali investido 140 mil euros, dotando-a de todas as condições e que o Ministério da Saúde feche as instalações por falta de recursos humanos.

Publicidade

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo