ComunicadosPolítica

PS Ovar rejeita ULS Aveiro/Ovar como anunciado

O Partido Socialista de Ovar reuniu, esta quarta-feira, com Fernando Araújo, Diretor Executivo do SNS.

Uma delegação constituída pelos membros da Comissão Política, Emanuel Oliveira e Fátima Bento, acompanhados pelos deputados Socialistas, Susana Correia, membro da Comissão Parlamentar de Saúde e Hugo Oliveira, Vice-Presidente da Federação de Aveiro do PS abordaram a integração de Ovar nas novas ULS’s a criar no âmbito do SNS.

As possibilidades de referenciação que têm sido publicitadas para integração do Município de Ovar são a ULS Entre Douro e Vouga, Santa Maria da Feira ou a ULS de Aveiro.

O Partido Socialista de Ovar manifestou preocupação com uma eventual integração de Ovar na ULS Aveiro, por se tratar de opção geograficamente desajustada, inadequada e absurda em matéria de prestação de serviços de saúde, contrária a tudo o que foi protocolado na defesa dos interesses da população do concelho de Ovar.

Espera o Partido Socialista de Ovar que, como é seu dever, os decisores políticos locais, respeitem os legítimos interesses das populações de Esmoriz, Cortegaça, Maceda, Arada, São João de Ovar, Ovar, Válega e São Vicente de Pereira, e que o que tanto custou a conseguir não seja agora desbaratado de forma pouco consistente.

O Partido Socialista de Ovar registou, com agrado, a abertura do Diretor Executivo do SNS, para refletir sobre o cenário que mais se adequa e que melhor serve a população do concelho de Ovar, sendo que, em nosso entender deve ser equacionada a referenciação à ULS Entre Douro e Vouga, em linha de continuidade com compromissos e práticas assumidos.

Acima de tudo, deve ser preservado o interesse das populações. É o que o Partido Socialista de Ovar defende sempre e continuará a defender.

Emanuel Oliveira, presidente da Concelhia do Partido Socialista de Ovar

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo