Política

PSD: Deputado acusa governo de desinvestir na defesa da orla costeira

O deputado do PSD Bruno Coimbra acusou o ministro do Ambiente de desviar dinheiro destinado ao Litoral para outras prioridades, mantendo o discurso de que a prioridade é defender a costa. Falando na Comissão de Ambiente, Ordenamento do Território, Descentralização, Poder Local e Habitação, o parlamentar social democrata lembrou que o investimento para essa área realizado pelo governo anterior, “só de 2013 a 2015, foi maior do que nos últimos 20 anos”.

“Recentemente ouvimos o senhor ministro afirmar que foi este o governo que elegeu o litoral como prioridade. Mas a verdade é que apenas tem inaugurado obra que vem de trás ou dado seguimento a processos em curso. Se faz alguma coisa, é desinvestir, não investir” – afirmou Bruno Coimbra na audição ao ministro do Ambiente.

O deputado aveirense recordou que o anterior governo “investiu mais de 2013 a 2015 no litoral do que foi investido nos últimos 20 anos”, sublinhando, ainda, que, além de todo esse investimento, “deixou contratualizados em Bruxelas, para o litoral, 200 milhões de euros de fundos para o período de 2016 a 2020”, assim como “deixou pronta uma estratégia para o litoral, estudada e preparada pelo professor Filipe Duarte Santos”.

“Dos fundos, o senhor ministro já desviou milhões para as zonas inundáveis e agora fala em milhões para a ilha da Madeira. Que milhões são esses? Quantos são? São os mesmos milhões? Consta-se que alguns milhões irão também servir para tapar o buraco que a reversão do sector das águas vai abrir” – atirou o parlamentar.

“É legítimo que o governo tenha outras prioridades, mas os portugueses têm de saber quais são! Se retira de milhões da protecção da costa para outras prioridades, então não pode continuar a afirmar que tem como prioridade a defesa da costa e o litoral!” – afirmou Bruno Coimbra.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo