LocalSlider

“Quem adquire o edifício da comarca da antiga Vila de Pereira Jusã?”

A Junta de Freguesia de Válega assinalou, esta noite, os 500 Anos do Foral Manuelino de Pereira Jusã, na praça da comarca da antiga Vila de Pereira Jusã.

O presidente da Junta local, Jaime Almeida, aludiu à efeméride, referindo que a preservação da memória e do património é um dos anseios da população valeguense.

“Estes 500 anos que sejam o exemplo de um passado desta gente que nos ajude a levar este Município para a frente”, disse o presidente da Assembleia Municipal de Ovar, Pedro Braga da Cruz, na alocução que proferiu.

Para o vice-presidente da Câmara Muncipal de Ovar, Domingos Silva, o momento que se viveu “é muito importante”, pois vai marcar a efeméride e lembrar, “nem que seja daqui a mais 500 anos, que neste dia nos juntamos aqui para prestar esta homenagem”.

Antes ainda de ser descerrado um painel de azulejos da autoria de Marcos Muge, alusivo à efeméride, o próprio artista lembrou que o edifício histórico se encontra à venda e lançou o repto para que  apareça alguém com possibilidades financeiras que o adquira e ofereça à Junta de Freguesia de Válega, sugerindo que ali um museu ficaria bem instalado.

Do programa constou ainda uma intervenção histórica de Vitor Amaral e a actuação do grupo de percussão e música medieval, “Curinga”, e do grupo local de dança valeguense, “Sonhos de Violeta”.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo