DesportoFutebol

Resiliência premiada com a confiança da AD Ovarense

Esteve mais de um ano sem jogar, mas nunca deixou de se dedicar com entusiasmo em cada treino. A guarda-redes Miriam Ferreira voltou a competir pela AD Ovarense no último fim de semana, num jogo em atraso da 1.ª jornada da fase de manutenção da Liga BPI, e manteve a baliza da formação “vareira” inviolada na visita ao reduto do Boavista (0-0).

Aos 21 anos, assegura que a sua baixa estatura não é um handicap no seu jogo, ela que responde com “reflexos e elasticidade” aos remates das adversárias.

Ler artigo in AFATV

Artigos relacionados

Deixe uma resposta