LocalSlider

Será desta que arrancam as obras entre Ovar e Gaia?

Comissão Europeia anuncia agora que vai financiar com 118,7 milhões

[themoneytizer id=”16574-1″]

O troço entre Ovar e Gaia é um dos mais perigosos da Linha do Norte e da ferrovia nacional. Para que não se coloquem vidas em perigo, transformou-se num verdadeiro atraso de vida. As composições têm que abrandar muito a sua velocidade ao passar aqui, em especial em Ovar.

Salvador Malheiro, classifica como “lastimável” o estado da linha férrea, entre Ovar e Gaia. “Há muito que verificamos o estado lastimável da nossa linha férrea e, sobretudo, o constante adiamento da intervenção do governo neste troço”, disse o presidente da Câmara Municipal de Ovar numa reacção ao relatório da Infraestruturas de Portugal.

A Comissão Europeia anuncia agora que vai financiar, em 60%, as obras de modernização no troço da Linha do Norte entre Ovar e Gaia. Bruxelas vai atribuir 118,7 milhões de euros em fundos comunitários para a intervenção num dos piores troços da ferrovia nacional, que irá custar um total de 196 milhões de euros.

Mas os atrasos multiplicam-se: Estas obras só deverão ficar concluídas com quase três anos depois do previsto, como se pode depreender pelas declarações da comissária europeia de Política Regional, Corina Crețu. “A modernização do troço Ovar-Gaia, na linha férrea do Norte, contribuirá para o fortalecimento da competitividade do sector ferroviário aos níveis regional e nacional. Tornará também este meio de transporte mais atrativo, promovendo assim a mobilidade limpa no país. Uma vez operacional, em março de 2022, este projecto contribuirá para melhorar a segurança e o conforto dos passageiros, a bordo e nas estações, e para reduzir o ruído”, refere a comissária na nota divulgada pela Comissão Europeia.

A contratação deste troço deveria ter ficado fechada no terceiro trimestre de 2017 e as obras deveriam ter ficado concluídas no segundo trimestre deste ano, mas o Plano Ferrovia 2020 praticamente não saiu do papel: apenas 8,8% do montante está a ser executado e não tem qualquer obra concluída.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo