LocalSlider

Seremos uma comunidade resiliente às alterações climáticas?

A equipa do Projecto INCCA – Adaptação Integrada às Alterações Climáticas para Comunidades Resilientes, da Universidade de Aveiro (UA), reuniu esta terça-feira, na Escola de Artes e Ofícios, com o foco no caso de estudo do litoral de Ovar: Esmoriz, Cortegaça, Maceda, Furadouro e Torrão do Lameiro.

No âmbito da realização de um conjunto de workshops participativos, neste 2º Workshop Participativo no âmbito do Projeto INCCA discutiram-se algumas medidas que possam ser tomadas para o concelho de Ovar relativas à problemática da erosão costeira.

Este trabalho, que incluiu vários interlocutores locais, visa a criação de uma estratégia municipal para a adaptação e mitigação à erosão costeira no concelho de Ovar.

Que medidas são precisas tomar no futuro próximo para assegurar um futuro longínquo? Que medidas e podem tomar agora e o que esperar dos seus efeitos no médio e longo prazo espacial e temporal? Tem o território de se adaptar a nós ou temos de ser nós a adaptar-nos ao território?

Estas foram algumas das questões levantadas sobre o estado actual do litoral de Ovar, mais concretamente os troços costeiros de Esmoriz, Cortegaça e Furadouro, sem esquecer as particularidades dos territórios de Maceda e do Torrão do Lameiro.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo