CulturaSlider

Simple Minds em busca de uma Sopa de Peixe na Praia do Furadouro

No Maruja encontrou o petisco que procurava, deliciou-se e agradeceu

A banda escocesa Simple Minds, um dos maiores nomes de sempre da música internacional, esteve em Portugal para dois concertos no passado fim-de-semana, um dos quais na cidade do Porto.

Improvável seria que um dos músicos da banda liderada por Jim Kerr se deslocasse ao Furadouro em busca de uma … Sopa de Peixe.

Um inglês alto e quase loiro entrou no Restaurante Maruja, no passado sábado, a perguntar por pratos de peixe tradicionais. Sem qualquer suspeita que lhe indicasse estar na  presença de um dos maiores vultos da Pop das últimas décadas, João Moço, o funcionário, explicou o que havia, mas o homem, envergando um fato de ciclismo, apontou para a ementa que estava à porta: Sopa de Peixe.

A sopa foi pedida e chegou. Brilhante, apetitosa, com os sabores vivos do “nosso mar”. O homem devorou-a num ápice e, maravilhado, pediu para se fotografar com a cozinheira. O funcionário que o tinha atendido percebeu que havia ali um certo sotaque: “Foi aí que ele explicou que era escocês e que estava em Portugal para dois concertos com os Simple Minds”, conta Alexandra Silva, de sorriso rasgado, ainda mal refeita da surpresa.

“Claro que todos tiramos a fotografia com o Ged Grimes que foi de uma simplicidade brutal e simpatia fantástica”, acrescenta a proprietária do restaurante do Furadouro. Ged Grimes contou ainda que, sempre que vai a um país numa digressão costuma fazer exercício percorrendo distâncias de bicicleta e estava muito feliz por ter chegado ao Furadouro e conhecido gente tão boa e generosa (publicação no Facebook não engana).

Antes de se despedir e em sinal de agradecimento pelo atendimento que teve no Furadouro, ofereceu entradas VIP para o concerto no Coliseu do Porto à equipa do Maruja que, assim, pôde desfrutar de um dos melhores concertos da digressão dos 40 anos de carreira dos Simple Minds. Veja aqui:

Ged Grimes é actualmente baixista do grupo escocês autor de êxitos como “Don’t You” ou “Alive & kicking”, mas é músico e produtor há mais de 30 anos.

Foi fundador do trio escocês Danny Wilson, que popularizou um dos hinos pop da década de 1980, “Mary’s Prayer”. Volte sempre e obrigado, Mr. Grimes!

 

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo