Publicidade
LocalPrimeira Vista

Sindicato diz que Junta de Cortegaça vai tentar evitar encerramento do campismo

 

O Sindicato dos Trabalhadores do Comércio, Escritórios, Serviços, Alimentação, Hotelaria e Turismo (CESAHT) revelou hoje que a Junta de Freguesia de Cortegaça vai tentar evitar o encerramento do parque de campismo dessa localidade de Ovar, anunciado na segunda-feira.

“A Junta de Freguesia de Cortegaça reconsidera a sua posição”, lê-se no comunicado, que acrescenta que essa mudança de intenções foi comunicado em reunião esta manhã, “tendo o Executivo ficado comprometido ao pagamento integral imediato do salário correspondente ao mês de outubro e subsídio de Natal de 2014, sem que tal constitua qualquer alteração ao estatuto jus-laboral dos trabalhadores”.

publicidade

O problema com esse equipamento turístico deve-se ao facto de estar entregue há décadas à exploração do Clube de Campismo e Caravanismo “Os Nortenhos”, que, segundo afirmam os trabalhadores do recinto na moção assinada em plenário na quinta-feira, “abandonou o Parque sem explicações e se declara impossibilitado de receber a sua prestação de trabalho – despedindo-os, na prática! “.

Os funcionários do recinto decidiram, por isso, “recusar o encerramento do parque, com o consequente ‘despedimento coletivo’ ilegal e prepotente preconizado pela Junta de Freguesia”.

Para essa medida pesou também que “não vem sendo cumprida a obrigação legal de depósito das contribuições retidas na Segurança Social” e que, durante toda a época alta, a exploração do parque foi “rentável”.

As entidades interessadas na exploração do recinto prosseguem agora “negociações tendentes a uma solução definitiva do conflito que as opõe, sendo certo que, entretanto, a Câmara Municipal de Ovar e o seu presidente deverão também assumir, na plenitude, as responsabilidades que lhe cabem neste processo”.

 

Publicidade

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Botão Voltar ao Topo