LocalSlider

SV Pereira: Centro de Saúde em vias de encerrar da parte da tarde a partir de setembro

O Centro de Saúde de São Vicente de Pereira vai passar a encerrar no período da tarde, já a partir do próximo dia 1 de setembro.

A informação foi transmitida à União das Freguesias de Ovar, São João, Arada e São Vicente de Pereira Jusã (UFO) pelo responsável da Unidade de Saúde Familiar Alpha, que também engloba Válega. Bruno Oliveira, presidente da UFO, não tardou em manifestar “repúdio por esta atitude que causará graves prejuízos aos seus utentes e a toda a população de São Vicente de Pereira”. O autarca socialista garante que vai lutar, prometendo tudo fazer “para impedir que esta intenção se torne realidade”.  “Exigiremos ao Ministério da Saúde que impeça e inviabilize esta pretensão dos responsáveis locais e regionais na área da saúde”, promete Bruno Oliveira.

O presidente da Câmara Municipal de Ovar, por seu lado, afirma que não foi informado da decisão e critica o Governo acusando-o de estar “a falhar redondamente connosco no sector da saúde no Município de Ovar”, questionando “a concretização dessa bandeira dos direitos constitucionais do acesso universal aos serviços públicos de saúde”.

Para Salvador Malheiro, o Governo está a falhar porque “não englobou um representante da Câmara Municipal de Ovar, tal como acordado, no grupo de trabalho para análise da criação de uma eventual Unidade Local de Saúde, não está a cumprir com o acordado relativamente ao numero de médicos e enfermeiros no Posto Médico de Maceda (pólo da USF Laços)”.

O Edil garante que a Câmara Municipal de Ovar não foi consultada nem informada do encerramento parcial do centro de saúde de São Vicente de Pereira e assegura que as Administrações Regionais de Saúde (ARS) e os Agrupamentos de Centros de Saúde (ACES) são “extensões do Ministério da Saúde e reportam directa ou indirectamente ao Governo”.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo