LocalSlider

Aquisição do Cine-Teatro aprovada outra vez

O executivo municipal aprovou, na reunião desta quinta-feira, a outorga da escritura de aquisição do antigo Cine Teatro.

O futuro do que resta do imóvel ainda é uma incógnita, mas o vereador da Cultura da Câmara Municipal de Ovar, Alexandre Rosas, revelava, há cerca de um ano, a existência de alguns contributos que passavam pela “possível continuidade da sua utilização na área do cinema, honrando aquilo que foi o seu uso durante décadas”.

Neste contexto, “pode vir a ter um espaço museológico com tudo que sobrou da demolição e que está guardado do equipamento do imóvel, desde o piano aos cartazes, com arquivo de imagem e fotografia, que não existe em Ovar”. O autarca garantiu que “tudo o que estava em condições de ser guardado está preservado”.

O autarca defende que o espaço “deve ter um futuro muito virado para as artes, com pendor sobre o cinema e as novas tecnologias, complementado com a eventual criação de um posto avançado de turismo para a recepção dos grupos de turistas que quando chegam a Ovar podem ser ali preparados para o que vão visitar no concelho”.

O vereador socialista, Artur Duarte, na sua página do Facebook, diz que “são boas notícias para o Município, pois este é um primeiro passo para resolver um cancro urbanístico numa das mais nobres zonas da cidade”. Sabendo que a fachada virada para a Rua Ferreira de Castro deverá ser mantida, aponta algumas sugestões na linha do vereador “laranja”, acrescentando a possibilidade de instalação de uma unidade hoteleira ou espaços para habitação, mantendo a sala de cinema.

Na verdade, este é um filme já visto, pois há cerca de um ano estava tudo preparado para passar o imóvel para a propriedade do Município, mas um dos elementos da ECO – Empresa Cine-Teatro de Ovar não compareceu à assinatura da escritura e o negócio frustrou-se. Após mais alguns avanços e recuos mas fundamentalmente porque que esse elemento já não pertence à referida sociedade, tudo indica que desta vez é para valer.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta