Covid-19

Dois novos casos de infecção – Especialistas alertam para perigos do Verão

“Temos, infelizmente, mais duas pessoas infectadas no nosso Município”, informou, esta quarta-feira, o presidente Salvador Malheiro, subindo para 757 o número de infectados confirmados. Neste momento, são 17 os casos activos de Covid-19 nas freguesias de Cortegaça, Esmoriz, Ovar, São João, São Vicente e Válega.
O autarca assegura que “estamos a fazer um acompanhamento muito rigoroso de todos os processos e, por isso, a situação está ainda controlada”. “Ainda assim, não podemos facilitar”, sublinha.

Didier Cabanes, director do centro de testagem à Covid-19 criado no Instituto de Investigação e Inovação em Saúde (i3S), no Porto, alerta que a descontração associada às férias pode não só aumentar o risco de novos casos do novo coronavírus, como também representar um novo desafio para os sistemas de saúde.

“Uma coisa é quando as pessoas estão a trabalhar, em que cumprem, inevitavelmente, as normas de higiene e segurança, mas quando estão com a família ou os amigos, num contexto de férias, é diferente, há uma maior descontração”, disse à Lusa, explicando que o verão traz de facto novos riscos de contágio.

“O facto de recebermos pessoas que podem vir de qualquer país da Europa, alguns com níveis de contágio elevados, acarreta mais riscos”, afirmou.

Para Didier Cabanes, a forma como se vão gerir os novos casos irá determinar se a transmissão do vírus vai ser descontrolada ou controlada. Isso dependerá da capacidade de as pessoas respeitarem as medidas de segurança e higiene, assim como da capacidade do sistema detectar os casos, testá-los e isolar os que testarem positivo.

No regresso ao trabalho, pós-férias, a preocupação será outra: a conjugação deste vírus com a gripe sazonal pode tornar os meses de setembro e outubro mais complicados.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo