LocalSlider

Encontrados vestígios arqueológicos na Azurreira

A presença de um muro, com cerca de 80 metros, paralelo à margem, construído com lajes em xisto e estacaria em madeira, está na origem da prospecção arqueológica que está a decorrer na Azurreira, em Ovar.

À superfície do terreno e no interior do perímetro da estrutura são visíveis diversos elementos em pedra interpretáveis como âncoras em pedra de tipo arcaico. Estes vestígios aparentam encontrarem-se expostos há escassas décadas devido à erosão da margem e recuo do sapal.

Com as sondagens que estão em curso pretende-se “obter uma interpretação quanto à natureza dos vestígios e o período a que remontam. Com os resultados pretende-se ainda contribuir para o conhecimento do processo de evolução geomorfológica da laguna de Aveiro”, informou a IAS, Lda.

A sondagens arqueológicas na praia da Azurreira, localizada na margem esquerda do canal de Ovar da Ria está a cargo da IAS, Lda.

Os trabalhos são promovidos pela Polis Litoral Ria de Aveiro, no âmbito da Avaliação de Impacte Ambiental do projeto de «Transposição de sedimentos e optimização do equilíbrio hidrodinâmico da ria de Aveiro».

Artigos relacionados

Deixe uma resposta