Opinião

Foi no dia 25 de Abril mas agora chega

Destaques

  • «Não está em causa o bom trabalho feito até aqui, mas não transforme a nossa Praça da República numa praça de morte, num cemitério.»

Não posso deixar de me indignar com o cemitério que se está a erguer, na Praça da República, em frente à Câmara Municipal de Ovar. Temos de virar a página. Não queremos ser ícones da Covid-19 e depois faz-se isto? Os nossos números não são assim tão diferentes de outros. Precisamos de esperança, de medidas concretas para os tais vivos que vão (e precisam de) movimentar a economia.

Se nem às agências funerárias interessa semelhante e mórbida publicidade, aqui a questão que eu gostaria de aqui colocar é: Se não é negócio, a quem interessa rentabilizar a morte desta forma?

Agora, diz que se plantou o 37.º cravo para homenagear a 37.ª morte por Covid-19. Nada mais que uma hipérbole, um exagero e um excesso. Os familiares destes falecidos quererão semelhante coisa?

Senhor Presidente, não está em causa o bom trabalho feito até aqui, mas não transforme a nossa Praça da República numa praça de morte, num cemitério. Porque é assim que será lembrada no futuro.

Leitor devidamente identificado

Artigos relacionados

Deixe uma resposta