Covid-19
Últimas

Hospital da Feira vai cancelar cirurgias para ter nova ala para doentes covid

Em pouco mais de dez dias, o número de internamentos por Covid-19 quadriplicou no Hospital de São Sebastião, na Feira, que se prepara para activar uma nova ala para receber mais infectados e cancelar as cirurgias não urgentes.

O número de internamentos de doentes com Covid-19 no S. Sebastião tem vindo aumentar de uma forma galopante na última semana (de 15 para 55), estando o Hospital a preparar a abertura de uma terceira ala com capacidade para mais 25 doentes infectados. As outras duas existentes, cada uma com igual capacidade, estão no limite.

Esta nova ala está a ser alvo de todos os cuidados necessários, contando inclusive com as orientações da autoridade de saúde pública.

Entre os 55 doentes com o covid-19, nove encontram-se internados na Unidade de Cuidados Intensivos, cuja capacidade poderá ser alargada a um máximo de 12 doentes.

Perante o crescente número de casos, a administração pondera, ainda, o recurso à contratação de mais camas no exterior, recorrendo a privados e instituições, para alojar doentes não covid.

Outra das medidas passa por adiar as cirurgias programadas não urgentes. Uma pretensão que, perante o atual cenário, deverá acontecer em breve.

O serviço de Urgência registou também, no fim de semana, um pico elevado de procura, provocando a permanência de várias pessoas nos corredores, aguardando o resultado de testes e exames ou à espera das respectivas altas, segundo expolicou o Hospital.

O Centro Hospitalar de Entre Douro e Vouga, de referência para o Hospital de Ovar e onde estão inseridos os hospitais de Oliveira de Azeméis, São João da Madeira e Feira, é responsável pelo atendimento de uma população aproximada de 350 mil habitantes.

Esta quarta-feira, são 19 os novos casos de Covid-19 no Município de Ovar, passando a ser 161 os casos activos. Neste momento a média de idades das pessoas infectadas situa-se nos 45 anos. Isto no dia em que se estabeleceu um novo recorde. Portugal regista mais 3.960 casos e 24 mortes por Covid-19 nas últimas 24 horas

Artigos relacionados

Deixe uma resposta