Empresas

IP conclui primeira parte das obras na Linha do Norte

[themoneytizer id=”16574-1″]

Esta é a primeira parte da intervenção que a IP está a executar na Linha do Norte e que implica a modernização do troço entre Ovar e Gaia, com uma extensão de cerca de 35 quilómetros “e onde circulam em média 190 comboios por dia”. Devido a esta obra, a CP teve de aumentar, em agosto, em cerca de 10 minutos, a duração das viagens do Alfa Pendular e do Intercidades.

A IP – Infraestruturas de Portugal concluiu as obras no troço entre Valadares e Vila Nova de Gaia, depois de nove meses de trabalhos. Orçada em 4,9 milhões de euros, esta intervenção deveria ter ficado concluída cinco meses antes, em abril deste ano. “A Infraestruturas de Portugal informa que foi concluída a empreitada de renovação integral de via, no troço entre Valadares e Vila Nova de Gaia da Linha do Norte. Esta obra representou um investimento global superior a 4,9 milhões de euros, e compreendeu a renovação de toda a superestrutura de via existente no troço, designadamente ao nível do carril, travessas, fixações e balastro”, refere a gestora da rede ferroviária nacional em nota enviada às redacções esta terça-feira.

Entretanto, o presidente da Câmara Municipal de Ovar está convencido de que a IP – Infraestruturas de Portugal vai mesmo reunir consigo em breve. “Foi-me prometido que, durante este mês, seria agendada uma reunião com técnicos da IP para falarmos sobre a Linha do Norte, a estação de Ovar e a EN 109”, adiantou.
O contacto para a marcação ainda não aconteceu, mas o autarca mantém-se optimista de que vai acontecer, já que o mês ainda não terminou.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta