LocalSlider

Plano para aquicultura na Barrinha de Esmoriz

A Direcção-Geral de Recursos Naturais, Segurança e Serviços Marítimos (DGRM) informa que a segunda versão para consulta pública do Plano para a Aquicultura em Águas de Transição, que inclui a Barrinha de Esmoriz, está a decorrer até ao dia 5 de Fevereiro.

Trata-se, de acordo com a DGRM, de um plano “estruturante e fundamental”, que compreende todas as áreas geográficas abrangidas pelas águas superficiais na proximidade da foz dos rios, que têm um carácter parcialmente salgado, em resultado da proximidade de águas costeiras, mas que são, significativamente, influenciadas por cursos de água doce, denominadas por águas de transição e, ainda, as lagoas costeiras da Ria Formosa, Ria do Alvor, Lagoa de Santo André, Lagoa de Albufeira, Lagoa de Óbidos e Barrinha de Esmoriz.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta