Covid-19

PSD solicita reunião de urgência ao ministro do Ambiente

Os deputados do PSD eleitos por Aveiro vão solicitar uma reunião de emergência ao ministro do Ambiente, Ordenamento do Território e Energia, para abordar a questão da defesa da costa em todo o distrito.

A iniciativa surge no rescaldo de visitas, este fim-de-semana, à costa ovarense e à praia da Barra, concelho de Ílhavo, onde o mar provocou estragos de grande monta.

Ulisses Pereira, Amadeu Albergaria, Bruno Coimbra e Paulo Cavaleiro responderam a um convite do presidente da Câmara Municipal de Ílhavo, Fernando Caçoilo – que na visita fez-se acompanhar de outros membros do seu Executivo -, para verificarem “in loco” os estragos provocados pelo mar na praia da Barra, onde o aglomerado urbano está ameaçado, uma vez que apenas uma duna separa a força da água das habitações.

No dia anterior, os parlamentares aveirenses tinham percorrido toda a costa de Ovar, acompanhados de responsáveis da Agência Portuguesa do Ambiente, tendo constatado a urgência de uma intervenção, que evite males maiores.

“O que vimos ontem e hoje chega a ser aterrador. Impõe-se uma intervenção em defesa da costa do distrito de Aveiro, mesmo com intervenções urgentes, independentemente do calendário do Plano de Ação, de Proteção e Valorização do Litoral (PAPVL)” – referiu, na ocasião, o deputado Paulo Cavaleiro, que tem acompanhado de perto no Parlamento o problema da erosão costeira no distrito de Aveiro.

A solicitação de uma reunião ao ministro que tutela a área do Ambiente foi anunciada por Ulisses Pereira, deputado e presidente da Distrital do PSD. O parlamentar disse pretender alertar para a “importância de uma intervenção urgente em defesa da costa”.

“A Legislação permite que as obras possam avançar nos casos mais urgentes, como os verificados na costa do distrito de Aveiro, mesmo antes do visto do Tribunal de Contas. Vamos ver junto do ministro que janelas de oportunidade podem ser abertas, para pormos cobro ao sobressalto por que passam as populações costeiras” – sustentou Paulo Cavaleiro, ao explicar os motivos da solicitação da reunião.

 

Artigos relacionados

Deixe uma resposta