CulturaSlider

Rancho Folclórico da Ribeira de Ovar apresenta “Maresia”

“Maresia” é um espectáculo diferenciador, onde as raízes e as tradições se inventam e inovam. Num espectáculo único, o Núcleo Etnográfico da Universidade de Porto e o Rancho Folclórico da Ribeira de Ovar apresentam um retrato da história das gentes ligadas ao mar e às actividades piscatórias.

“O Mar, fonte da nossa história, inspirador da vida que nos motiva e confidente dos nossos segredos, fala, canta e dança sem ter aprendido e guarda todas as memórias com uma fidelidade desconhecida”, explica Armando Dourado, diretor artístico do grupo portuense, acrescentando que “o seu horizonte assusta-nos e as suas ondas alegram-nos como ninguém”.

A nossa História, os nossos anseios e receios, sempre têm estado associados ao mar, dos longínquos Descobrimentos que marcam a nossa identidade à faina da pesca do bacalhau e da sardinha, elementos indissociáveis da nossa cultura gastronómica tradicional.

As comunidades piscatórias, espalhadas por toda a vasta orla marítima de Portugal e a sua cultura e vivência próprias, estão espelhadas neste espetáculo. Armando Dourado refere que, “apesar de termos sido obrigados a reduzir grandemente esta actividade, continuamos a ser grandes consumidores de peixe e mantemos uma tradição de pesca artesanal em todo o país, bem como as relações de trabalho familiares que lhe estão associadas”.

O drama dos frequentes naufrágios, as condições de trabalho precárias, o importante papel das mulheres, a solidariedade sempre presente, bem como a religiosidade e a festa, surgem em Maresia tratados de forma teatral, aliando a música e a dança tradicionais ao drama e comicidade dos diálogos que ilustram o espectáculo, sempre entremeado com a “Lenda do Mar e da Lua”, que percorre todas as cenas até ao final.

Sábado, 28 de janeiro
22 horas
Centro de Arte de Ovar

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo