Covid-19

Sever do Vouga é o primeiro concelho sem casos activos na região

Sever do Vouga atingiu a marca dos zero casos activos de infecções pelo Covid-19 e é neste momento o único concelho da região sem casos activos. O município tem cumprido as directivas da DGS e sabido também implementar no tereno medidas de apoio à população e às empresas para minorar a propagação.

Uma das primeiras medidas encetadas foi a activação do plano de emergência municipal que permitiu assim ao longo destes últimos quase 12 meses, criar um conjunto de respostas ao nível dos apoios às IPSS’s locais, bem como aos Bombeiros, aos centros de Saúde e às forças de proteção e segurança. O plano de emergência veio dotar o município de ferramentas que foram sendo colocadas ao serviço da população, nomeadamente ao nível das comunicações, dos recursos logísticos no centro de saúde e da própria desinfeção dos espaços públicos e melhoria da recolha e tratamento dos lixos domésticos, citando-se apenas algumas das medidas.

Por outro lado, também não foi esquecido o apoio às empresas, com a isenção de algumas taxas, congelamento do pagamento de rendas dos espaços municipais e o fornecimento de materiais de proteção de rápido desgaste, tais como máscaras e gel desinfetante.

António Coutinho, presidente da Câmara Municipal, refere que “acima de tudo a população está de parabéns por estes resultados alcançados agora, e espero que o período da Páscoa não signifique um retrocesso e voltemos a ter novas infeções”. Adianta ainda que “as políticas implementadas pelo executivo estão a dar resultados. Em matéria de Covid-19, fizemos antecipadamente o nosso trabalho de casa, e bem, e os números aí estão para o comprovar.”

O concelho severense entra agora assim num lote de pouquíssimos concelhos com a ausência de infecções ao Covid-19 e numa altura em que existe mais de 20% da população vacinada, prevendo-se nas próximas semanas um aumento generalizado da vacinação em massa, resultando, espera-se, que seja o principio do fim deste confinamento, e que as instituições, públicas e privadas, bem como a generalidade da população, possam retomar, com a devida cautela e dentro do estipulado para a proteção individual de cada um de nós, o ritmo de vida mais próximo da normalidade antes da pandemia se ter instalado em março de 2020.

Os 11 municípios do Agrupamento de Centros de Saúde (ACeS) tinham no início da semana 139 casos activos, representando mais 9. Aveiro mantém-se como o concelho com mais casos ativos. Esta terça-feira eram 44 (mais 7). Em segundo lugar está Ovar, com 30 (menos 1 caso).

Artigos relacionados

Deixe uma resposta