Covid-19
Últimas

Três funcionárias infectadas e 40 crianças sem aulas na Misericórdia

Há três funcionárias do ensino pré-escolar da Santa Casa da Misericórdia de Ovar que estão infectadas com Covid-19, obrigando a instituição a fechar as salas correspondentes às funcionárias em causa e enviar 40 crianças de três turmas para quarentena.

O Provedor da Misericórdia informou, em comunicado, que a instituição tem submetido todos os funcionários a testes para detecção do vírus SARS-CoV-2 e foi num desses rastreios, abrangendo o pessoal de todos os serviços de infância, que se diagnosticaram três novos casos da doença.

“As referidas funcionárias, duas da creche e uma do pré-escolar, encontram-se assintomáticas nas suas residências. Quanto aos alunos estes não apresentam qualquer sintoma visível, mas isso obrigou-nos a fechar três salas com creche e jardim-de-infância”, revelou a instituição, adiantando que isso envolve “umas 40 crianças”.

Álvaro Silva nota que o período de quarentena “vai ser decidida pela autoridade local de saúde” e que, entretanto, continuam em funcionamento as restantes salas do ensino pré-escolar da santa casa ovarense, o que representa “outros 120 a 130 miúdos”.

À agência Lusa, o responsável acrescenta que a situação está “tranquila” nas duas estruturas residenciais para idosos, que, também geridas pela instituição, foram especialmente afectadas pelo vírus SARS-Cov-2 nos meses de março e abril.

“Já começámos a dar aos idosos a vacina contra a gripe. Vai ser uma confusão na mesma quando os casos de gripe se confundirem com os de Covid-19, mas, ao menos este ano, o Governo prometeu que mandava as vacinas gripais até final de setembro e cumpriu”, realça o provedor.

(em actualização)

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Leia também

Close