Opinião

“Um escritor, um artista, um povo” – Por Florindo Pinto

Manuel Francisco Gomes de Pinho, é o nome, no B.I., do escritor, Francisco Pinho

– Nasceu na vizinha Cortegaça, andou por África, pelas Américas, reside em Esmoriz

– A sua “obra”, para além das profissões do “ganha pão”, passa pela pintura e escrita

– Tem, ao longo dos tempos, exposto os seus quadros e publicado os seus “escritos”

– Nas bancas, cá do burgo, poderá encontrar os 8 livros, já editados, entre 2000 e 2016

Sorrisos e Sombras, poesia/2000 – Fogo e Paixão, versos e poesias/2002- Quem Sou

–  Eu , versos e poesia/2004 – Esmoriz és Emoção – sonetos/2006 –  Azenhas da Minha

Terra (Cortegaça) – sonetos/ 2008 – Missão em Moçambique – prosa e sonetos/2009

Saudades ao Sol Posto – sonetos/ 2013 e Barrinha ao Entardecer – sonetos em 2016

– Em mãos, tem as “Memórias”, onde, referirá a ida a França e a passagem pelo Teatro.

Florindo Pinto (12/11/2021)

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo