EmpresasSlider

Combustíveis: O lento regresso à normalidade

[themoneytizer id=”16574-1″]

A greve dos motoristas de matérias perigosas chegou ao fim, mas as consequências dos protestos ainda se fazem sentir nos postos de combustível.

As filas nas estação de serviço terminbaram mas o regresso à normalidade não será imediato.

O Sindicato Nacional de Motoristas de Matérias Perigosas fala em regularização nas próximas 48 horas, já a Associação Nacional de Traspontadores Rodoviários de Mercadordias diz que tudo volta a ser como era dantes apenas na segunda ou terça-feira. A Associação Portuguesa de Empresas Petrolíferas também acredita que o país volte a abastecer os veículos a 100% apenas a partir da próxima semana.

A greve dos motoristas de matérias perigosas terminou às 8 horas desta quinta-feira e somente desde essa altura que todos os serviços de descarga de combustivel habituais estão a ser assegurados.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo