Política

Conselho de Jurisdição deu razão ao PSD de Ovar

O Conselho de Jurisdição Nacional não deu provimento à queixa de Ulisses Pereira sobre as alegadas irregularidades na adesão de novos militantes no transacto ano de 2015, informou PSD de Ovar, esta quarta-feira.

O PSD de Ovar diz, em publicação na sua página do Facebook, que se mantém “a possibilidade de todos/as os/as militantes da Secção de Ovar, poderem votar nos actos eleitorais do próximo sabado dia 5 de Março”. A estrutura partidária social-democrata ovarense “regozija-se por ter sido reposta toda a verdade sobre este assunto”.

Recorde-se que em causa estavam suspeitas levantadas por Ulisses Pereira sobre a inscrição de 418 novos militantes na concelhia do PSD de Ovar.

Ulisses Pereira, antagonista do presidente da Câmara de Ovar, Salvador Malheiro, nas eleições para a distrital do partido, apresentou queixa no Conselho de Jurisdição do partido por estranhar o elevado número de inscrições.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo