SaúdeSlider

Direcção Geral de Saúde confirma fim do cordão sanitário

A Directora-Geral, Graça Freitas, que é por inerência Autoridade de Saúde Nacional, confirmou hoje, que o cerco sanitário no concelho de Ovar chega amanhã ao fim.

Falando na habitual conferência de imprensa da Direcção-geral de Saúde (DGS) sobre o Covid-19, a responsável disse que “Ovar é um bom exemplo das medidas que resultam e se adaptam e permitem um voltar à normalidade possível”. Graça Freiras disse que o concelho “foi alvo de medidas extraordinárias, de protecção muito intensas mas, felizmente, o risco epidemiológico actual indica que já não necessita de uma situação especial”. Ou seja, continuou, o concelho ovarense “parece estar controlado e a tender para os números de outras zonas do país”.

Graça Freitas referiu que Ovar apresenta agora “um reforço de assistência a situações de doença e temos de pensar na situação social dos habitantes que têm estado sob grande stress”. Do conjunto desses factores e da actuação das autoridades e do mecanismo de autoridade civil, chegamos à conclusão que o cerco de Ovar chega ao fim mas essa informação vai se analisada”, rematando que a cerca sanitária em Ovar deverá ser levantada durante o fim de semana, “a 18 ou 19 de abril”.

A directora-geral disse que, tal como Ovar, apesar do levantamento de algumas restrições, “teremos de equilibrar, durante algum tempo, as nossas vidas”. “Há um retorno a uma actividade nornal num mundo com Covid-19, que diferente do que conhecíamos em dezembro passado”.

“Vamos ter de compatibilizar a nossa forma de estar na vida, observando as medidas de controlo de infecção. É este caminho que vamos viver nos próximos tempos”, concluiu.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo