SaúdeSlider

Hospital outra vez na corrida pelo Prémio Saúde Sustentável

Depois de ter ganho o Prémio Saúde Sustentável 2019, com o projecto de desmaterialização de registos e processos, designado por “HOSP: Hospital de Ovar sem Papel” e de ter repetido o feito em 2019 com o projecto “Escala de Risco Covid-19”, o Hospital Dr. Francisco Zagalo, de Ovar, está de novo na corrida pelo Prémio Saúde Sustentável, com o projecto Health Medical Response and Information Exchange (HMR-IE).
Partindo da experiência adquirida durante a cerca sanitária de um mês, entre 17 de março e 17 de abril de 2020, o Hospital de Ovar foi desafiado, pela Winning Scientific Management, para se juntar ao Instituto Pedro Nunes, para desenvolver o projecto Health Medical Response and Information Exchange (HMR-IE).
O presidente do Conselho de Administração do Hospital de Ovar, Luís Ferreira, explica que o projecto visa “facilitar e robustecer o processo de decisão dos profissionais de saúde que, perante um paciente covid-19, precisam de tomar decisões quanto à estratégia clínica a adoptar com um doente concreto”.
Os Serviços Partilhados do Ministério da Saúde (SPMS), através de Luís Goes Pinheiro, presidente do Conselho de Administração, “reconhece o mérito do novo projecto que o Hospital de

Hospital de Ovar está a lançar, reconhecendo os prémios sucessivos que tem ganho”. Este tipo de projectos, disse,  “que parecem, muitas vezes, exercícios puramente teóricos e apenas mobilizados pela questão ambiental, traduzem-se em ganhos efectivas de saúde para as pessoas, facilidade de acesso, simplicidade de processos, envolvência da comunidade no hospital”.
Depois de, em Abril do ano passado, ter realizado a primeira teleconsulta usando uma ferramenta de videochamada, a RSE Live, desenvolvida pela SPMS, o Hospital de Ovar prepara-se para acolher a Telemonitorização para a insuficiência cardíaca do SNS, que está, actualmente em testes, no Hospital de Matosinhos.
O projeto do Hospital Dr. Francisco Zagalo – Ovar (HFZ-Ovar) “Health Medical Response and Information Exchange (HMR-IE) – Ai Covid”, que aponta caminhos para a uniformização dos procedimentos na orientação de doentes Covid, é um dos três finalistas na categoria “Cuidados de Saúde Centrados no Cidadão” do Prémio Saúde Sustentável 2021.
O Prémio Saúde Sustentável – já na sua décima edição e que conta com o Alto Patrocínio da Presidência da República – é uma iniciativa do Jornal de Negócios e da farmacêutica Sanofi Portugal orientada para a divulgação e incentivo de boas práticas da sustentabilidade da saúde em Portugal.
Os vencedores de cada prémio serão anunciados publicamente durante uma cerimónia a realizar no próximo dia 27 de outubro, em local e hora a anunciar.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta