CulturaSlider

Lembra-se de como era Ovar em 1976?

 

 

Se não se lembra ou não era sequer nascido, a Habitovar dá uma ajuda.

Depois de uma recolha exaustiva, a direcção da cooperativa de habitação inaugurou, este sábado, no âmbito das comemorações do seu 40.º aniversário, uma mostra das actividades, tradições, etc, que ocupavam os vareiros nesse ano, oferecendo aos visitantes uma viagem no tempo surpreendente.

Destaque ainda para a recriação em miniatura da Procissão dos Terceiros a passar junto da Câmara Municipal de Ovar, por José Maria Costa. Para esse efeito, o artista recriou, à escala toda a envolvente arquitectónica da Praça da República num trabalho de minúcia digno de registo.

Além da recriação da procissão, o programa do último sábado a presentou a já citada exposição “Ovar de há 40 anos… uma viagem no tempo”, e ainda “A minha família tem talento… em 1976”, “Lembra-se dos Bailes do progresso e Irmãos Unidos?!” e uma “Festa de Garagem dos anos 70”.

Uma festa com uma ponta de nostalgia que quis mostrar às novas gerações em que contexto nasce a Habitovar, na altura designada Cooperativa de Habitação e Construção de Ovar, hoje uma Cooperativa de Solidariedade Social.

Carla Moreira, da organização, agradece a todos os que colaboraram, com destaque para a direcção da Habitovar, “por nos acompanharem nestas aventuras e estarem sempre presentes” e aos “meus colegas, pois é muito bom e tenho muito orgulho por fazer equipa convosco”.

Fotos: José Lopes

 

Artigos relacionados

Deixe uma resposta