Política

PS junta-se a louvor aos foliões

O PS de Ovar agradece “o empenho, a dedicação, a inexcedível criatividade e extraordinária alegria com que todos os integrantes dos grupos carnavalescos e escolas de samba brindaram todos aqueles que assistiram ao corso de 2018, apesar das condições atmosféricas adversas”.

Num balanço do carnaval de Ovar 2018, os socialistas consideram haver aspetos menos positivos. Atendendo ao orçamento publicitado, “consideramos essencial uma reflexão ponderada e construtiva sobre os pontos que a seguir enunciamos, como forma de assegurar a continuidade do sucesso e a rentabilização económica de futuros carnavais, ao mesmo tempo que asseguramos a sua sustentabilidade, principal suporte da continuidade deste cartaz da cultura e forma de ser das gentes vareiras”.

A estratégia de comunicação e de divulgação seguida, que o PS considera “profundamente falhada”, o arcaico sistema de venda de bilhetes para bancada, com ausência de possibilidade de compra on-line, o plano de segurança e actuação em caso de emergência, que “deve ser profundamente revisto, desde a segurança de rua até ao suporte concedido e disponibilidade dos estabelecimentos de saúde”.

Uma sugestão simples seria, por exemplo, “oferecer a quem chega para ver o carnaval um simples roteiro/mapa com indicação de restaurantes, bares, unidades de alojamento local e pontos de venda do Pão de Ló de Ovar, bem como de outros locais de interesse turístico”. Deste modo, “promover-se-ia de imediato o comércio local (e não apenas as concessões de roulottes e barracas de venda de cerveja na entrada do corso), ao mesmo tempo que se despertava até o interesse num retorno a Ovar para apreciar esses aspectos em outros momentos.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta