LocalSlider

PSP e GNR detêm 16 por violação da cerca sanitária

Desde a renovação do estado de emergência no país, a 3 de abril, 153 pessoas foram detidas por crime de desobediência.

Em comunicado, o Ministério da Administração Interna (MAI) explicou que, até às 17h00 desta quarta-feira, “34 pessoas por desobediência à obrigação de confinamento obrigatório, 72 por desobediência ao dever geral de recolhimento domiciliário, 9 por desobediência de interdição de circulação fora do concelho no período da Páscoa, 13 por desobediência ao encerramento de estabelecimentos, 9 por resistência e 16 por violação da cerca sanitária de Ovar”.

Na mesma nota é explicado que, no mesmo período, foram encerrados 377 estabelecimentos comerciais por incumprimento das normais estabelecidas.

“Estes números juntam-se aos verificados no primeiro período de Estado de Emergência, que vigorou entre os dias 22 de março e 2 de abril, em que se registaram 108 detenções por crime de desobediência e foram encerrados 1.708 estabelecimentos comerciais”, pode ler-se.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta