Opinião

Às voltas na Curia – Henrique Gomes

O pelotão bem precisa de descontrair e fazer um tratamento revigorante após a desgastante Volta. A Curia é conhecida pelas suas termas, qualidade das suas águas e pela fantástica oferta hoteleira. Não sei se os ciclistas aproveitaram o local para fazer alguma cura ou tratamento, mas o local era propício para algumas terapias.
Curia, a instância termal que parece querer retomar um passado de glamour e charme, é um excelente local para momentos de descontração, relaxamento, passeio e exibição.

Os ciclistas estão mais soltos e conversadores mas simultaneamente conscientes que, passado o pico de mediatização que a Volta sempre proporciona, rapidamente se regressa a um quase estado de anonimato geral.
O público, em grande parte idoso, desconhecia se os ciclistas que “deram” na televisão na semana passada eram os mesmos que, agora, assomavam à sua porta.

As constantes fugas e alternâncias na liderança da corrida ainda dificultavam mais a tarefa de quem estava a assistir, à sombra, ao passar dos ciclistas
A forte presença de amarelo em alguns equipamentos confundia uns quantos assistentes habituados a ver apenas uma camisola com tonalidade amarela em todo o pelotão.
No intervalo entre as passagens dos ciclistas, renovava-se a garrafa da mini e a conversa.
Por sua vez, o senhor agente da GNR renovava as apitadelas e as explicações a quem tentava circular no percurso destinado aos ciclistas.
O encantador percurso do circuito a percorrer uma dúzia de vezes era, ocasionalmente, ladeado por belos edifícios. Arquitetura Belle Epoque e Arte Nova revigorada com alguns necessários toques de modernismo- nada que altere o essencial da arquitetura original.

O final do circuito foi na sombria, felizmente, Avenida dos Plátanos. Aí assisti a uma brilhante vitória de Paulinho, irmão do outro Paulinho, o Sérgio, que ganhou a medalha nos Jogos Olímpicos de Atenas.
Costa, o Mário, ganhou a classificação das Metas Volantes. Este Costa é irmão do outro Costa, o Rui, atual Campeão do Mundo de Estrada. Esta foi a forma utilizada pelo speaker de serviço para apresentar os vencedores do dia. Ou a maneira de vencer o anonimato.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo