LocalSlider

Intervenção na ferrovia em território de Ovar adiada para 2020

O ministro do Planeamento, Pedro Marques, lançou a concurso, esta manhã, um troço entre Gaia e Ovar da linha do Norte, que irá custar 150 milhões de euros. “A linha do Norte é espinha dorsal da ferrovia nacional”, adiantou o governante, que recordou que a infra-estrutura esteve anos à espera de obras.

Presente na sessão que decorreu em General Torres, o presidente Salvador Malheiro saiu desiludido: “Estive hoje no alegado início da modernização da Linha (ferroviária) do Norte no Troço Ovar-Gaia”, mas “infelizmente a intervenção na ferrovia em território de Ovar e de Espinho, com as requalificações das nossas estações (ovar e esmoriz), dos apeadeiros (valega, carvalheira e cortegaça) e a construção da passagem desnivelada em falta, segundo o power-point apresentado, vão continuar em estudo e projecto até ao ultimo trimestre de 2019 e a obra só terá lugar em 2020”.

Salvador Malheiro lamenta que “o investimento público em Ovar a partir das Infraestruturas de Portugal continue a ser adiado”, mostrando-se bastante insatisfeito com o sucedido.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Botão Voltar ao Topo