Opinião

Nián e a Lenda do Ano Novo Chinês (Conclusão) – Rosendo Costa

[themoneytizer id=”16574-1″]

Em mandarim a passagem de ano diz-se “guo nian”, que significa “passar o nian”, “vencer o nian” que foi o que os aldeões fizeram.

Até hoje sem mantém esta tradição de decorar as casas com adereços vermelhos e caracteres em dourado ou preto a desejar sorte, espanta-espíritos e rebentar foguetes durante o ano novo chinês.

A “consoada” de ano novo chinês é considerada a refeição mais importante do ano. Espera-se que os chineses regressem a casa e jantem com a família nesse dia, tal como nós fazemos com a
consoada de Natal, para nós também é a refeição mais importante do ano.

Além da decoração e do jantar de ano novo há a tradição de oferecer envelopes vermelhos, em mandarim chamado “hong bao”. Os “hong bao” são tradicionalmente oferecidos pelos familiares mais velhos aos mais novos e pelos casais casados aos mais novos e solteiros.

As danças que se vê nas notícias e nos filmes de um dragão e leão de pano cobrindo outras que simulam as pernas dos mesmos, no meio da rua, ao som de tambores não são meros desfiles carnavalescos. Na verdade são as chamadas danças do dragão e do leão que têm como
finalidade atrair sorte e prosperidade.

Normalmente nas danças do leão os acrobatas usam um toldo de pano que cobre o seu corpo, enquanto o dragão por ser uma criatura voadora é suportada pelos acrobatas e elevada no ar por estacas.

No norte da China é mais comum comerem-se dumplings e no sul é mais comum comer-se “nian gao”, uns pastéis feitos de arroz glutinoso. Oferecem-se mandarinas e são metidas nas salas para comer porque são igualmente significado de boa sorte.

Também é nesta altura que as famílias visitam os templos locais, queimam incenso e fazem oferendas às divindades pedindo desejos de ano novo e prestrando homenagens aos familiares.

O ano novo está quase a chegar e este ano calha a a 5 de Fevereiro, embora as férias oficiais comecem a 03 de Fevereiro e terminem a 07. Este ano é o ano do porco!

A seguir ao ano novo chinês, que este ano é o ano chinês do porco, vêm outros festivais como o festival dos túmulos, o festival do barco
do dragão e lá para Outubro a semana dourada, mas sobre esses… escreverei mais adiante.

Xin nian kuai le! (Feliz Ano Novo em mandarim)

Rosendo Costa
Um vareiro em Pequim

Artigos relacionados

Deixe uma resposta